Casamento do vice presidente da Record, Douglas Tavolaro e Raissa Tavolaro (Foto: Divulgação)
Mulher do vice-presidente de jornalismo da Record TV, Douglas Tavolaro, Raissa Caroline Lima Tavolaro funcionária da Assembleia Legislativa de São Paulo.

No entanto, ao invés de trabalhar no serviço público, a sujeita opta por viajar pelo mundo ao lado do companheiro, segundo informações do site The Intercep Entre 2016 e 2017, por exemplo, a advogada mineira esteve em Lisboa, Joanesburgo e Moçambique. Ela fez questão de registrar cada andança em suas redes sociais.


Dessa forma, Raissa se enquadra entre os “funcionários fantasmas”, como afirma a publicação. Por conta da investigação jornalística, a funcionária tornou o perfil pessoal do Instagram como privado.
Porém, foi possível capturar algumas reproduções antes da decisão da senhora Tavolaro. Analisando cada imagem, é possível perceber que algumas foram publicadas na rede social em dias de semana, dentro de períodos em que, em teoria, a funcionária paga com dinheiro público deveria estar dando expediente no gabinete da liderança, na sede da Assembleia paulista, conforme determinação do regimento interno.
Dia 26 de outubro de 2016. Uma quarta-feira: um dos dias mais movimentados na Assembleia e data de uma das sessões da CPI que investigou a Máfia da Merenda. Raissa deveria estar na casa tratando das atividades da bancada do PRB. Mas o Instagram da advogada dizia que ela estava em Lisboa, curtindo a vista para o Rio Tejo que seu quarto no Myriad by Sana Hotel oferecia. Na timeline de Raissa, encontramos fotos dela em Lisboa ao lado de Douglas Tavolaro até o dia 30 de outubro.
Procurada, a assessoria de imprensa da Alesp não soube informar se a esposa do diretor da Record tirou férias ou alguma licença, mas garantiu que ela poderia viajar pelo tempo que tivesse combinado com a liderança do PRB, mas não poderia receber salário por isso.
O problema é que, segundo a publicação, a advogada continuou recebendo o salário em seu valor integral e de forma constante mesmo quando seu Instagram mostrava fotos fora do país. Na prática, ela deveria receber algum tipo de desconto já que, ainda de acordo com o The Intercep, ela não obteve férias e nenhum tipo de licença.
Fonte: Tvfoco