Pyong toma atitude após ser acusado de apoiar Bolsonaro no BBB 2020

Pyong deixou vídeo sobre Bolsonaro gravado fora do BBB 2020 (Imagem: Reprodução – Globo / Montagem – RD1)
Por conta de alguns vídeos em suas plataformas digitais, Pyong Lee foi acusado de ser apoiador do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) antes mesmo da estreia do BBB 2020.
 Prevendo que isso pudesse acontecer, o participante do reality show da Globo deixou um vídeo gravado, no qual aparece se defendendo desse tipo de afirmação.
Na ocasião, o youtuber alegou que não é de direita nem de esquerda e disparou: “Me rotularam. Acho uma merda essa coisa de que só existem dois lados”.


“Não existe um centro? Você não pode apoiar uma coisa daqui e outra dali? Eu tenho minhas ideologias, princípios e valores”, continuou.
Eu acho mais bacana fazer minha parte como ser humano dentro de uma sociedade e cuidar da minha família e das pessoas que trabalham comigo”, disse.
“Você vai ter que aceitar o que está proposto, nas mãos de várias pessoas. Não defendo Bolsonaro, mas tem coisas que compactuo e coisas que não”, afirmou.
“Não sou de direita ou esquerda, sou ser humano como você e tenho meu posicionamento. Respeito vocês e quero que sejam felizes”, acrescentou.
“Qualquer tipo de extremismo faz muito mal e é assim que a gente vai vivendo em harmonia, com as diferenças que fazem o ser humano único”, finalizou Pyong.

Fonte: RD1

Share on Google Plus

About Pablo Falante

0 Post a Comment:

Postar um comentário