Sikêra Jr reproduziu fake news em programa de TV (Imagem: Reprodução /RedeTV!)
No comando do Alerta Nacional e fazendo sucesso junto ao público, Sikêra Jr entrevistou o presidente Jair Bolsonaro na semana passada e deu o que falar. Durante o bate-papo, ao vivo pela RedeTV!, o apresentador citou uma fake news que viralizou nas redes sociais.
A história do boato tem o mesmo texto e já se tornou bem conhecida pelos usuários da internet. Nela, o relato de várias pessoas alegando a mesma situação, dá conta de que um porteiro teve um primo que morreu de um acidente e foi atestado como vítima da pandemia.
Gente! O primo do porteiro aqui do prédio morreu porque foi trocar o pneu do caminhão e o pneu estourou no rosto dele. Receberam o atestado de óbito como se fosse o covid-19. Eles estão indignados”, diz a história.
Sikêra Jr reproduziu o fato falso na conversa com o presidente. “Já começa a aparecer algumas mortes por outras causas e estão colocando na conta do coronavírus. Eu vou dar um exemplo que aconteceu no final de semana em Pernambuco, vamos conferir se procede. Um borracheiro, consertando, trocando um pneu, estourou no rosto dele a calota, e no atestado de óbito dele colocaram como coronavírus. O senhor tem conhecimento disso? Se realmente estão colocando na conta do vírus?”, indagou.
Bolsonaro, por sua vez, respondeu “ter conhecimento desse fato e de outros“. O presidente ainda questionou a veracidade da quantidade de mortes pelo Covid-19.
“É, temos conhecimento desse fato específico que você falou, bem como de outros. Parece que há interesse de alguns governadores de inflar o número dos óbitos vitimados do vírus. Daria mais respaldo para ele para talvez mais recursos ao governo federal, para justificar as medidas que tomaram. Para dizer: ‘ó, se não tivesse tomado essa medida no meu estado a crise seria mais grave, mais gente teria morrido’“, disparou Bolsonaro.
Fonte: RD1