Nesta quarta-feira (05/08), o Hospital de Atendimento da Covid-19 em Eunápolis iniciou a realização de hemodiálise, um tratamento necessário e vital para pacientes infectados pela COVID-19 que apresentam também insuficiência renal. Sendo o primeiro Hospital do Extremo Sul a realizar o tratamento com a hemolenta, que é a terapia mais indicada para pacientes críticos e graves que não suportam a hemodiálise convencional, este novo serviço ampliará as chances de recuperação dos pacientes.

Comemorando mais esta conquista, o prefeito Robério Oliveira falou sobre os desafios da unidade. “Nossa região não possuía o tratamento com a hemolenta, que é um procedimento onde o paciente passa de 24h até 72h ininterruptas em hemodiálise, algo complexo e necessário nos pacientes mais graves, por isso solicitei a disponibilização deste tipo de equipamento, para salvarmos ainda mais vidas em nossa região. A cada dia uma nova vitória nesta difícil luta contra o coronavírus”, comemorou o prefeito Robério Oliveira.

A unidade, que iniciou suas atividades no dia 13 de julho, já tratou 41 pacientes da covid-19, sendo 18 deles do município de Eunápolis e os demais encaminhados de toda região.