Karol Conká garantiu que já não é mais a mesma pessoa que entrou no BBB 2021 (Imagem: Reprodução / Globoplay)

Eliminada do BBB 2021 com o maior recorde de rejeição da história do reality, Karol Conká abriu o coração para falar sobre como o que viveu no programa a transformou. Durante sua participação no Prêmio RedeBBB, a cantora garantiu que mudou.

A soberba já não combina mais com meu look“, disse a rapper, que afirmou que não é mais a mesma pessoa que entrou no programa no início do ano.

Karol, que foi uma das artistas que cantou na final do Big Brother, ainda contou que decidiu encarar de frente o medo do reencontro com os brothers. Na ocasião, ela aproveitou e lançou Dilúvio, sua nova música.

“Eu estava um pouco resistente. Achei que não tinha nunca mais que aparecer. Tipo, sou uma vergonha. Nunca fui de desistir, não combina comigo. Então, transformei a dor em arte e cantei ali”, disse ela, que ainda confessou: “Eu achei que fosse chorar. Estou muito chorona ultimamente. Eu desafinei, porque queria chorar”.

Karol Conká, que além de ter ficado conhecida pelas falas ácidas e agressivas, ficou muito marcada também pela forma que tratou Lucas Penteado no confinamento. No entanto, o ator, que pediu para sair ainda na segunda semana de reality, afirmou que já perdoou a cantora.

Acredito que esse BBB tenha trazido pra população que o artista também tem o direito de ser humano. O ser humano também erra, tá ligado? E errar faz parte desse jogo. A parte mais divertida do BBB é ver as pessoas entrarem lá e serem humanas”, declarou Lucas.

Vale lembrar que as atitudes da artista ainda renderam um documentário no Globloplay. A Vida Depois do Tombo, fala sobre a marcante participação da famosa na atração da Globo.

Segundo o Notícias da TV, a série documental de quatro episódios se tornou a maior audiência diária de uma única atração do Globoplay. As cenas, os choros, os desabafos e as críticas sobre sua ida ao reality show rendeu ao serviço de streaming mais de 716 mil horas assistidas somente na quinta-feira (29).

Fonte: RD1