Caso Ranitla: Tribunal de Justiça da Bahia não concede Habeas Corpus para o autor do crime Tarcísio Aguiar

 

Na tarde desta quinta-feira (17/08), os desembargadores que compõe a segunda Turma Criminal do Tribunal de Justiça da Bahia julgaram o Habeas Corpus n. 8026068-64.2022.8.05.0000, tendo sido denegado a ordem, ou seja, a decisão manteve a prisão preventiva do autor do crime (Tarcísio Aguiar).


O Voto da Desembargadora Relatora Nartir Dantas foi acompanhado pelos demais desembargadores integrantes do órgão Julgador, por entenderem que existem os motivos justificadores da segregação cautelar.

Tags

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.