SUCO DE PIMENTA: Anaildo Colônia sofre nova condenação por divulgar fake news contra o vereador Renato Bromochenkel

O radialista Francisco Anaildo da Silva, conhecido como Anaildo Colônia, sofre nova condenação e deve pagar outra indenização ao vereador Renato Bromochenkel (Avante) no valor de R$ 4 mil reais, acrescido de juros e correções a partir da data de 18 de novembro, quando a sentença foi publicada. 


A decisão é da 1ª Vara dos Juizados, assinada pelo juiz Henrique César de Paiva Laraia.

Com base em provas, fartamente oferecidas pelo autor, o juiz considerou ter havido “dano moral puro, também chamado in re ipsa, que prescinde de qualquer prova a respeito, pois está ínsito no ilícito praticado”.

NOVA SENTENÇA

Em agosto passado, o radialista recebeu condenado à revelia por divulgar fake news (informações sem comprovação) contra o vereador Renato Bromochenkel. Com mais esta condenação o radialista já deve a quantia de R$ 8 mil reais, somente a este vereador, em ações de indenização e reparação por dano moral.

Eleito em 2020, Renato Bromochenkel, que também é pastor evangélico, após ser vítima constante do radialista, ingressou na justiça com várias ações de danos morais, alegando ter sofrido calúnia e difamação.

“Percebe-se, no caso dos autos contra Anaildo Colônia, que o exercício da liberdade de expressão ultrapassou as fronteiras do regular e por isso deverá pagar indenização por difamação ao parlamentar”, observou o magistrado na condenação publicada em agosto passado.










Tags

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.